Vanessa Penz em foto de Mau Saldanha

Entre linhas

Vanessa Penz

Meu filho,

Somente agora ao te perceber alegre, curioso e arteiro lembro que no instante em que te quis, fiz uma oração. Acredito que tenha sido de um jeito menos convencional, suponho eu, do que a maioria dos pais. Não enumerei desejos de feitos maravilhosos que os filhos podem fazer. Tais como aprender a falar e caminhar antes de um ano, a tocar piano aos cinco, ser o rei da matemática aos 13 e, é claro, que tivesse saúde. Comecei a imaginar toda as estripulias que poderias apresentar em cada idade: riscar a parede da sala antes de um ano, e me olhar no ato do flagra e abrir o sorriso mais lindo e tranquilo que só os inocentes têm; de dar um escândalo no supermercado aos cinco, com direito a se atirar no chão, sem escorrer uma lágrima, tudo por um maldito Kinder Ovo; fazer da casa o bunker do torneio de videogame aos 13, regado a salgadinhos e refrigerantes espalhados pela mesma sala. Eu sei, pode ser maluquice, mas pra mim, isso também é sinal de saúde. Não só de má criação. Através de teus traços na parede, posso entender que há uma imaginação sendo despertada por cores e formas. É bem verdade que se estivessem no papel, a compreensão seria a mesma, exatamente como as restantes foram. E de que tu estás te tornando um cara sociável, legal, que consegue fazer amizades e que se sente tão bem em casa que prefere que todos venham pra cá, mesmo sabendo que terás que arrumar e deixar tudo exatamente como encontrou, vale a pena. Sobre o “show” do supermercado, este não há argumentos. Não é não. E mesmo ali sei que testavas os teus e os meus limites. Entre tantos fatos ocorridos na vida dos filhos, tem a forma particular de cada um conhecer o mundo, de assimilar o território onde estão inseridos. A gente esquece que todos passamos por isso. Que aprendemos. Alguns, não. Por essa razão, meu filho, e por todas as fases pelas quais passarás, que tenhas muita saúde para viver todas elas. Nós estaremos aqui, sempre.

PS: Ficou difícil?

Te carregaremos, se preciso for.

Facebook Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima