Ângela Puccinelli em foto de Gilberto Perin

Ela + Eu ≠ Nós

Ângela Puccinelli

Ah! Tereza, Tereza

Esta mulher me alucina

Ela me atiça, me conquista

Depois foge, arisca

 

Com este olhar de animal

Ele me enlaça, me abraça

Que braços, que costas largas

Mas suas mãos ásperas me fazem cócegas

 

Será que ela se assusta

Com meu apetite voraz?

Se ela soubesse minha situação

Medo de perda, pavor de rejeição

 

De onde vem este desejo

Parece que ele me enfeitiça, me domina

Acho que vou levantar, sair desta quitinete

Esta relação não promete

 

Que pernas, que ancas

Fico maravilhado com suas partes mais brancas

Tenho vontade de gritar, uivar

Mas fico imóvel, para ela não se esquivar

 

Esta mulher é um mistério

Ah, se ela me levasse a sério

Facebook Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima