Jim Harris por Marcel Souza

Um voo de sensações

Marcel Souza

Em setembro de 2018 tive a oportunidade de retornar ao destino do sonho de muitas pessoas, à Disney. Fui para Orlando duas vezes na minha infância e adolescência. Depois de vinte anos retornei para visitar agora como profissional do turismo. Mas não existe visita profissional na Disney. Lá se divertir é a obrigação. Foram oito dias visitando os seus parques e os da Universal Studios. Nem o calor de quase 40ºC me impediu de aproveitar o máximo. É verdade que não encarei todas montanhas russas, admito.

Logo no primeiro dia fui conhecer o parque que não existia quando estive lá a última vez, o Animal Kingdom. E como não poderia ser diferente, tudo de primeira, encantando os visitantes. A Árvore da Vida no meio do parque, a montanha russa Everest (essa eu fui e recomendo), e a sensacional área dedicada ao filme Avatar.

Em Pandora, além de toda decoração lembrando o filme que foi um sucesso de bilheteria, temos duas atrações. Uma bonita mas bem light, sem emoções, Na’vi River Journey, onde passamos de barco pelo universo de Pandora. E a sensacional Flight of Passage.

Nessa atração, um simulador em três dimensões, o visitante na condição de um Navi, o Avatar, voa de carona nas costas de um Banshee, o animal que é uma mistura de réptil com ave. Durante o voo passamos pela floresta repleta de árvores, animais e flores. Além de ter a plena sensação de estar voando, também somos surpreendidos com uma completa invasão sensorial. Sentimos cheiro, pingos d’água, ventos e até a respiração do nosso Banshee durante o voo repleto de movimentos de aceleração e mergulhos em velocidade.

Flight of Passage é daquelas atrações que vale repetir se você tiver tempo disponível, e foi o que fiz, mesmo tendo que encarar nas duas vezes uma grande fila. Tenho certeza que depois que terminar seu primeiro voo, você vai pensar: quero ir de novo! E assim no segundo, terceiro, quarto.

Facebook Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima