E não é sobre pedras

O que lhe faltava?

pedra em pedra

só pedras

ou,

mais amores

amantes

amores próprios

 

assim ele fez

chão, paredes acimentadas

portas e janelas

saídas?

não

nem para alma

nem para amadas

 

arranjos em pedras

buquês de espinhos

brutalidades

mulheres sem vida

imposições

maldades, umidades

falta de luz e oxigênio

 

humilhações sim

sem sol nem espaços

nem amadas ou amores

só pedras

pedras sem paixão

sem flores

só mais espinhos

 

o que faltava?

não mais esperas

promessas

ou,

supostas janelas

e sim,

a fuga

 

 

Compartilhe!

gostou? comente!

Rolar para cima